Publicidade

O Profissional Docente e o Cenário Pandêmico

 A relevância da construção profissional docente na área educacional que se constituem no cenário pandêmico.

Por Elaine Gomes dos Santos


A pandemia de 2020 , em decorrência da Covid 19 , fez com que as escolas fechassem. O
isolamento social recomendado pela Organização Mundial de Saúde e a decretação de estado de calamidade pública nacional que, entre outros impactos e ações, ocasionou a suspensão de atividades presenciais nas escolas e universidades, sendo assim os alunos não puderam frequentar as instituições educacionais. Isso porque o cenário de pandemia, com a decorrente necessidade de reduzir a transmissibilidade pela imposição de distanciamento social, tem apontado para a utilização de atividades remotas e o uso de tecnologias digitais de informação e comunicação, enquanto a segurança não for restabelecida. Mediante a esse ocorrido, a alternativa para prosseguir com as atividades pedagógicas foi o ensino remoto.


Diante desse contexto , a adoção pelas redes de ensino tanto públicas quanto privadas,
do ensino remoto, fez com que professores, estudantes e suas famílias, enfrentasse os
desafios inéditos. Nesse processo a tecnologia se tornou o principal meio entre as instituições educacionais e os alunos, ou seja, a tecnologia que possibilitou continuar o ofício pedagógico de maneira que exigiu que os profissionais se reinventa se e adaptassem ao novo "normal", para ministrar as suas aulas. O desafio entretanto é a carência da apropriação dos professores, de forma acelerada e improvisada, dos recursos tecnológicos e didáticos necessários para a aprendizagem remota de seus alunos.


Essa perspectiva traz a reflexão de se repensar em algumas concepções do campo
pedagógico e resgatar a importância da formação profissional contínua . Pois a formação é o que deve preparar os professores para a complexidade, a diversidade e as situações profissionais que terão de enfrentar, principalmente nas urgências e incertezas como o caso citado anteriormente.


Partindo desse aspecto faz-se necessário pensar a formação de professores em programas coerentes de preparação para o exercício da profissão docente, para tanto é primordial que o mesmo esteja sensível a diagnosticar tal necessidade e se aprimorar profissionalmente.


Segundo Antônio Nóvoa, o professorado deve trabalhar no sentido de que há um
conhecimento e uma responsabilidade que não terminam, tendo em vista que a educação é um movimento de ir se construindo enquanto trajetória individual e coletiva, na qual se inserem aspectos psicológicos e culturais. Entendendo sempre que a educação está em constante mudança, ainda mais pelas demandas sociais que são apresentadas. Contudo é importante salientar que diante das dificuldades do cenário pandêmico a integração das mídias digitais no ambiente escolar, amplia o conceito de aula, mostrando que a aprendizagem pode ocorrer em outro ambiente.

O Profissional Docente e o Cenário Pandêmico


Sendo assim , a construção profissional docente neste cenário é de suma importância.
Levando em consideração a afirmação de Miguel Zabalda ao dizer que "a importância da formação deriva da necessidade da vinculação ao crescimento e aperfeiçoamento das pessoas" (2011,p. 29), é possível compreender que a partir do momento em que o educador entende o processo de mudança social e global, ele se prepara para atender e lidar com os desafios atuais.


Elaine Gomes dos Santos
Estudante de Pedagogia


Caderno de Educação

Confira:

👉 Curso de Psicoterapia


Compartilhe Compartilhe Compartilhe
Compartilhe em sua s Redes Sociais!


Sobre:
O Blog Caderno de Educação visa compartilhar conteúdo e proporcionar a troca de material e experiências com os usuários. Todas as matérias publicadas são informativas ou sugestivas e não devem ser utilizadas em substituição a informação especializada de um profissional habilitado.

Postagens Sugeridas, Relacionadas e Anúncios

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.

 
Sobre | Termos de Uso | Política de Cookies | Política de Privacidade

João 3 16 Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho Unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.