Publicidade

Uso da Tecnologia na Educação

 

Uso da Tecnologia na Educação

Informática na educação, tecnologia móvel nas salas de aula: o que funciona?


Sobre o tema da informática e uso de tecnologias na educação, conheça um trecho do texto de sobre uso de tecnologias móveis em sala de aula como, smartphones, ipad, tablets e outros dispositivos. O autor discute a eficiência dessa prática na educação. De que forma a informática educativa, com uso de todos os tipos de tecnologias, realmente, podem melhorar os resultados de aprendizagem? Segundo o autor, Tablets e smartphones em sala de aula é algo novo e, por isso, não há um consenso claro sobre a sua utilidade. 


Aplicando a Tecnologia Móvel na Educação


Para Mattew Lynch professor da Virginia Union University  "simplesmente usando a tecnologia móvel na sala de aula não garante um aumento na compreensão ou mesmo a atenção dos alunos."

O autor relata tipos de uso da tecnologia móvel que fazem mais sentido para salas de aula.


  1. • E-readers (E-Book) . Parte do problema com livros tradicionais é que eles são tão rapidamente ultrapassados, hoje há tantos assuntos a respeito e que informam melhores leitores online. E-books eliminam esse problema e permitem atualizações em tempo real que são úteis para estudantes e professores imediatamente, e não no próximo ano escolar quando o novo livro é escolhido. aprendizagem na nuvem. Usando a tecnologia móvel que está ligado a nuvem significa que os alunos podem fazer a transição do trabalho em sala de aula para concluir em casa - ou em qualquer outro lugar - com facilidade, enquanto eles têm acesso a um telefone, tablet ou computador. Isso economiza tempo e melhora a capacidade de organização para os alunos.
  2. • Módulos móveis individuais . Dentro de aplicativos e jogos educativos há opções para logins individuais do estudante. Isso dá aos alunos a oportunidade de trabalharem em seu próprio ritmo, tendo tempo extra nas áreas em que eles mais precisam.
  3. • Programas de mensagens instantâneas . Sites que permitem que os professores enviem trabalhos de casa ou teste perguntas para os alunos através de texto e, em seguida, pedir respostas, resultam em uma abordagem mais interativa para o aprendizado. A maioria dos programas que facilitam esta tecnologia permitem feedback em tempo real sobre as respostas, permitindo que os alunos aprendam com os erros e coloquem tudo no contexto no momento.  O pesquisador descobriu que os adolescentes americanos enviam uma média de 60 mensagens de texto por dia , tornando esta uma forma eficaz de alcançar os estudantes em um meio que está perto de uso universal. O Projeto OneVille tem monitorado os professores e as suas experiências com mensagens de texto para alunos do ensino médio e descobriu que os alunos se tornam mais motivados para vir para a escolae para completar o trabalho no tempo quando eles têm acesso a mensagem enviadas por professores

No entanto, sabemos que no Brasil as dificuldades para que alunos tenham acesso a esses dispositivos, praticamente, inviabilizam essa metodologia.


A Tecnologia na educação é importante para trazer a:


  • internet na educação
  • educação atual
  • inovação educacional
  • educação hoje
  • educação inovadora
  • educação tecnológica
  • inovação em educação

Escolas rotineiramente vem implantando  quadros brancos interativo, projetores de dados e computadores em todas as salas de aula, mas eles também têm uma ampla gama de tecnologias "não-escolares" para como i-pods, telemóveis, PSPs e outros. Os consoles de jogos estão sendo trazidos para as escolas, juntamente com netbooks e notebooks que estão se tornando cada vez mais
portátil e fácil de transportar e esconder. Algumas destas estão  compreensivelmente causando preocupação para os professores. Como elaborar plano de aula? 


PONTOS POSITIVOS DA TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO

  • Encorajar as crianças e os jovens a reconhecerem os usos positivos tecnologia no desenvolvimento e melhoria da sua própria educação.
  • Entender que a tecnologia se desenvolveu mais rápido do que qualquer um poderia ter imaginado nos últimos 10 anos. 
  • Da mesma forma, a maneira pela qual as crianças usam tecnologias mudou nos últimos anos. Web 2.0 significa que crianças e os jovens podem ser criadores de conteúdo em vez de simplesmente usuários dele.
  • Refletir sobre maneiras em que moderno tecnologias que eles o uso poderia ser benéfico dentro da sala de aula.

Objetivos específicos:

Os alunos devem ser capazes de:
a. usar o conhecimento e a compreensão para fazer escolhas informadas sobre segurança, saúde e
bem-estar
b. encontrar informações e apoio de uma variedade de fontes
c. avaliar e gerenciar o elemento de risco em escolhas e situações pessoais
d. aprender usar habilidades sociais para construir e manter uma série de relacionamentos positivos
e. usar as habilidades sociais de comunicação, negociação , assertividade e colaboração
f. valorizar as diferenças entre as pessoas e demonstrar empatia e disposição para aprender
sobre pessoas diferentes de si
g. comunicar e trocar informações (incluindo comunicação digital) de forma eficaz, segura e
com responsabilidade. 
h. desenvolver uma compreensão de práticas e segui-los. 



ABORDAGEM


1. Comece perguntando aos alunos o que é bom na internet?

  • Para que eles usam isso?
  • Como a tecnologia nos ajuda?
  • Como melhorou as maneiras pelas quais vivemos nossas vidas?
  • Quantas vezes a tecnologia desempenha um papel em um dia típico? Despertador, microondas, ônibus destinos exibidos no ponto de ônibus ..... etc. etc.
  • O que os alunos mais sentiriam falta se tivessem que viver sem tecnologia por um dia?
  • De que evolução eles ouviram falar sobre o futuro ou imaginam para o futuro?
  • O que eles gostariam de ver no futuro?
  • Eles podem pensar em maneiras pelas quais a tecnologia às vezes pode ser usada quando há talvez formas mais eficazes e eficientes (como usar um livro)?
  • Como eles usariam a tecnologia para apoiar a aprendizagem na escola?

2. Peça aos alunos para criar uma apresentação de 5 minutos com melhor recurso ou aplicativo que eles usariam no ensino se fossem professores por um dia.
3. Defina o tema sobre o qual os alunos devem elaborar a apresentação
4. Incentive e dê liberdade para fazerem seu próprio projeto aqui usando novas tecnologias. Eles podem criar um blog, podcast, filme ou site / página da web, reportagem sobre tecnologia na educação

AVALIAÇÃO

Eles precisam ser capazes de explicar por que eles usaram isso e qual a vantagem sobre outras soluções que não dependem tecnologia.

Este plano de aula pode ser aplicado para:

  • Tecnologia de educação
  • Uso de tecnologias na educação
  • Aula com tecnologia
  • Como usar a tecnologia na educação
  • A tecnologia e a educação
  • Uso das tecnologias em sala de aula

Qual é a importância da informática na educação? Projetos de informática na educação foram muitos comuns nas últimas décadas. 


Qual é a importância da informática na educação? 


Informática na Educação: Desafios tecnológicos.


É importante que os professores vejam a aquisição de habilidades em informática como uma necessidade e fazer movimento crucial para desenvolver novas competências em tecnologia da informação. 

Falando de informática na educação e tecnologia educativa.



Sem jogo de palavras, em alguns textos da bibliografia especializada podemos encontrar citações no sentido de que a história da informática educativa no Brasil tem início na década de 70 Na década, quando pela primeira vez foi discutida a utilização do computador no ensino, em seminário realizado pela Universidade de São Carlos. Se quisermos sair da esfera nacional, há quem diga que a história do uso da informática na educação tem início em 1924, o Dr. Sidney Pressers inventou uma máquina que corrigisse testes de múltipla escolha e, no início da década de 50, Skinner propôs uma máquina para ensinar usando o conceito de instrução programada, que consistia em dividir o material em módulos sequências, contendo uma questão que o aluno deveria responder. Essa é uma versão muito resumida da história da informática educativa. Sugiro uma pesquisa bibliográfica.

Afinal, o que é informática educativa?



Antes de responder essa pergunta temos que responder outra. Qual é a diferença entre uso de Tecnologia na Educação e Informática na Educativa? Eu penso que a primeira abrange a segunda. Tecnologia na educação seria o uso de qualquer recurso tecnológico, enquanto informática educativa uma metodologia específica. Então respondemos a primeira pergunta, informática educativa seria uma prática pedagógica para aplicação de tecnologias na educação, ou seja, utilização de ferramentas e aplicações no intuito de gerar benefícios no processo de ensino aprendizagem. Uma visão pessoal. Sugiro uma consulta a bibliografia.


Segundo os PCNs – Ciências, o “domínio da informática é só um dos aspectos de um novo e amplo complexo de relações da atualidade social e produtiva, na qual conhecimento e informação são pelo menos tão preciosos quanto materiais e energia”.

A escola deve se apropriar dessas transformações e fazer do espaço escolar a principal fonte de obtenção desses conhecimento e informação tão preciosos.

Sala de aula,  jogos educativos, programas e projetos de uso de novas tecnologias, devem estar inseridos em um contexto de compatibilização do uso das tecnologias às necessidades de seus alunos e aos objetivos pedagógicos que se dispõe a atingir, privilegiando uma visão interdisciplinar do conhecimento.

Há recursos e condições para uso de tecnologias em educação?


Certamente, não é fácil manter uma sala de computadores funcionando de modo adequado e permanente, sobretudo, em uma escola pública. Para manter, por exemplo, um laboratório, é necessário uma infra-estrutura bem organizada de gerenciamento e de manutenção das máquinas, para que funcionem bem de manhã à noite, durante toda a semana e todo o ano, especialmente quando passar o efeito da novidade, bem como, que sejam renovados e protegidos.

Por fim, é necessário capacitação continuada dos professores para atuarem com essa nova realidade. Nossa experiência com treinamento de professores demonstrou que essa capacitação deve ser contínua. Outro desafio é a informática educativa na educação infantil. Elaborar atividades de para ensino infantil com aula no contexto do uso das novas tecnologias é desafiador. É importante a realização de projetos, com atividades adequadas para ensinar, na educação infantil com o uso de tecnologias, sendo necessário planejamento e organização. Hoje, existem vários cursos de especialização, bem como, de mestrado e doutorado, específicos para uso de tecnologias na educação formando profissionais que contribuem para o fechamento desse círculo.

Tecnologia na escola

O uso das tecnologias disponíveis na escola é potencializado quando a equipe gestora está preparada para a utilização de um ambiente informatizado, incorporando-o ao trabalho de gestão esse tema já foi questionado em concursos para Administrador Escolar como na Prefeitura de Florianópolis que considerou:


  1. Não basta conhecer e usar as novas tecnologias da informação e comunicação. É preciso que os gestores as incorporem às suas práticas, fazendo uso constante delas em seu ambiente de trabalho.
  2. Programas como o Urânia, FACE ou i-Educar são exemplos de softwares que potencializam importantes processos escolares como registro de notas, cadastro de alunos, montagem de horários de aulas ou gestão do acervo de bibliotecas escolares.
  3. A Plataforma Moodle, além de ser uma ferramenta pedagógico-educativa, voltada para a qualificação das relações de aprendizado, também pode ser um importante apoio para a atividade de registro cartorial e criação de cursos que possibilitem a interação entre os integrantes de uma comunidade educativa.
  4. O uso das tecnologias na gestão escolar revela novos papéis dos seus profissionais – como organizadores de informações, criadores de significados e líderes – na tomada compartilhada de decisões.



Laboratórios  fornecidos pelo governo



Um estudo realizado por Chinasa R. O e A. I. Odo traz informações sobre a percepção de professores sobre a necessidade de professor fixo na escola secundária em escolas da Zona Educação Nsukka. A pesquisa revelou que a necessidade em escolas secundárias na Zona Educação Nsukka é adequada. Este resultado não foi inesperado, considerando a formação educacional das pessoas estudadas.  Em resumo a pesquisa conclui que:


  1. O governo não proporciona um ambiente favorável para a educação científica e tecnológica como prioridade, pois, deveria fornecer laboratórios  funcionais que incentiva e motiva pesquisadores e estudantes por meio eficaz e coordenação.
  2. Os governos devem ser responsáveis ​​pelo fornecimento de infra-estrutura adequada para as escolas e conclui que este deve assumir a responsabilidade de fornecer infra-estruturas básicas necessárias à aquisição de computadores e competências, o que deverá incluir o fornecimento dos espaços funcionais
  3. Os governos devem  propor políticas de tecnologia para impulsionar o sistema estabelecido e também fornecer as infra-estruturas necessárias e Ambiente, não só para a redução evasão, mas também para servir como veículo
Pergunta-se há necessidade de laboratório de informática na educação?


Inovação em Educação 

 
3 Dicas para Uso da Tecnologia em Sala de Aula


O incentivo à inovação na educação é fundamental para enfrentar os desafios de crescimento e expansão da economia regional. A educação é a chave para a prosperidade. 

A Qualidade do Sistema Educacional exige:

Acesso ilimitado no ensino primário e secundário
Acesso ilimitado no  ensino pós-secundário
Desafios com professores certificados e de treinamento de professores
Desafios de infraestrutura física, gastos e tecnologia limitam o impacto no acesso educacional
 
Em geral, o sistema educacional atual, em diversos países, está debilitado pela baixa acessibilidade e baixos níveis de desempenho educacional, embora haja exceções. É necessária uma mudança radical em nossa abordagem educacional. 

Alcançar uma Economia Baseada no Conhecimento o cultivo de pessoas criativas e inovadoras. Promova a criatividade natural e uma mentalidade para converter desafios em  oportunidades, identificação de problemas e busca de soluções. Flexibilidade de ensino, positividade e o poder da perspectiva

Desenvolvendo Criatividade na Escola 

A estrutura do sistema escolar atual é voltada para testes padronizados, seguindo um currículo restrito que não se destina a explorar a imaginação e talentos latentes. Devemos repensar os princípios que regem o sistema educacional atual.
 

Eduque para inovar

O sistema educacional precisa estar mais focado no desenvolvimento de atitudes que podem levar a ideias inovadoras. Idealmente, o sistema educacional deve promover a inovação, a criatividade e o empreendedorismo.
Ao aprimorar os talentos dos alunos e canalizar sua criatividade, atitudes empreendedoras podem ser estimuladas. A educação para o empreendedorismo deve ser integrada em todos os níveis educacionais dos currículos.
Os alunos precisam deixar de ser candidatos a empregos, mas sim pensadores críticos, criadores de negócios e inovadores.
 
As condições para estimular a criatividade
  • Auto confiança
  • Pensamento crítico
  • Engajamento colaborativo
  • Equipes de trabalho multidisciplinares e multi-talentosas

Desenvolvendo as condições para estimular a criatividade. O cidadão inovador é um pensador crítico, um solucionador de problemas e um aprendiz ao longo da vida.  Para fomentar o desenvolvimento do sistema inovador, necessitamos de transformações na educação, com foco especializado na aprendizagem baseada em atividades, pensamento de soluções de ação e estímulo à busca por conhecimento e por respostas.
 


Referências:

Ref.: http://scm.oas.org/pdfs/2014/CIDRP00655E.ppt

Odo, Chinasa R, Odo A. I.  Teachers’ Perception of the Need for Functional Computer Laboratories in Secondary Schools in Nsukka Education Zone - Journal of Educational and Social Research ISSN 2239-978X(Print) ISSN 2240-0524(Online) Vol 4, No 7 (2014) Disponível em <http://www.mcser.org/journal/index.php/jesr/article/view/5307,> acessado em 15/11/2016

Brasil. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros curriculares nacionais : ciências naturais / Secretaria de Educação Fundamental. – Brasília : MEC/SEF, 1997.

Matthew Lynch - Dean, Escola Syphax da Educação, Psicologia e Estudos Interdisciplinares, Virginia Union University - Disponível em https://theconversation.com/do-mobile-devices-in-the-classroom-really-improve-learning-outcomes-38740Acessado em 28/11/16

BRASIL. Ministério da Educação - MEC Portal do Professor Disponível em <http://portaldoprofessor.mec.gov.br/. >



Caderno de Educação

Confira:

👉 Curso de Psicoterapia


Compartilhe Compartilhe Compartilhe
Compartilhe em sua s Redes Sociais!


Sobre:
O Blog Caderno de Educação visa compartilhar conteúdo e proporcionar a troca de material e experiências com os usuários. Todas as matérias publicadas são informativas ou sugestivas e não devem ser utilizadas em substituição a informação especializada de um profissional habilitado.

Postagens Sugeridas, Relacionadas e Anúncios

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.
 
Sobre | Termos de Uso | Política de Cookies | Política de Privacidade | LexiWiki

João 3 16 Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho Unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.