Publicidade

Usando os Conhecimentos Prévios do Aluno na Prática

Usando os Conhecimentos Prévios do Aluno na Prática

A verdade a ser ensinada deve ser aprendida embora a verdade já seja conhecida.

1.O desconhecido deve ser explicado por meio do conhecimento prévio do aluno

2. Todo o ensino começa em um ponto de partida. Este ponto de partida deve estar conectado ao que já é conhecido pelo aluno antes de prosseguir com a lição.

3.Como alguém pode segui-lo no escuro, a menos que saiba onde você está e por onde começar?

4. O seguinte é freqüentemente ouvido na aula: “Eu não sabia do que o professor estava falando!” Nesse caso, a culpa é do professor, não do aluno.

5. Uma vez que um bom ponto de partida tenha sido estabelecido, prossiga para um objetivo, meta ou propósito fixo (novas verdades). Não fique muito tempo em terreno familiar.

6.Proceda em direção à meta com etapas graduais: fatos simples e concretos que levam a ideias abstratas; idéias abstratas que acabam levando ao entendimento; compreensão que conduz à aprendizagem.

Usando os Conhecimentos Prévios do Aluno na Prática


1. Ponto de Partida - Antes de iniciar a aula, descubra o que os alunos sabem sobre o assunto que você deseja ensinar. Este é o seu ponto de partida. Aproveite ao máximo o que os alunos já sabem e use seu conhecimento do assunto para incentivá-los a continuar seus estudos. Incentive os alunos a esclarecer e atualizar seus conhecimentos, falando sobre isso em sala de aula.

2. Organizar - Comece com fatos ou ideias que os alunos já conhecem e, em seguida, avance em direção ao desconhecido. Relacione cada aula o máximo possível com as aulas anteriores e com o que os alunos já sabem.

3. Proporção - os alunos mais novos não precisam de aulas muito longas ou muito difíceis. Os alunos mais velhos precisam ser desafiados e não precisam de aulas muito fáceis.

4.Progresso - Avance através da lição com passos lentos, claros (fatos conhecidos), ordenados e naturais.

Exercícios - Evite tanto quanto possível exercícios artificiais. Use ilustrações da vida real, objetos familiares e experiências pessoais para dar aulas. Verifique os exercícios no livro didático, eles se relacionam com os alunos ou precisam ser modificados? Incentive os alunos a fazerem ilustrações de sua própria experiência.

Cuidados

1. Iniciar uma nova lição sem estabelecer o que já foi aprendido por meio de lições anteriores ou experiências pessoais.

2. Falha em apontar o que os alunos já sabem.

3. Tratar cada lição como se fosse independente de todas as outras e não conectar as novas lições com as anteriores.

4. Falha em apontar a conexão entre as partes de diferentes lições e a conexão entre as partes dentro de uma lição.

5.Considerar velhas lições como mercadorias armazenadas em vez de instrumentos para uso posterior.

6. Tentar ensinar algo novo antes de explicar / compreender completamente o antigo. É difícil acrescentar algo ao desconhecido.

7. Atribuir aulas muito longas ou muito difíceis.

F. Falha em encorajar os alunos a se considerarem descobridores, exploradores. Os alunos devem ser incentivados a descobrir novas verdades por si mesmos com o que já sabem.

Sugestões.

1. Precisa de mais unidade entre as aulas? Faça pelo menos um exercício que una as verdades das lições anteriores com as verdades da lição atual. (A maioria dos exercícios dos livros didáticos se concentra na lição em questão, e não em amarrar as lições.)

H. Precisa de mais unidade dentro de uma aula? Use um plano de aula. As seções do plano devem seguir uma ordem natural levando a um objetivo - do conhecido ao desconhecido.

Usando os Conhecimentos Prévios do Aluno na Prática


Conclusão

A. “A verdade a ser ensinada deve ser aprendida embora a verdade já seja conhecida.”

B. Qualquer estudo, deve ser visto como muitas partes relacionadas ao todo, não como partes dispersas.

C. Os alunos bem-sucedidos são treinados para desenvolver o poder de estudar por conta própria.

Fonte: Chr Reeves 4 de junho de 1996


Caderno de Educação

Confira:

👉 Curso de Psicoterapia


Compartilhe Compartilhe Compartilhe
Compartilhe em sua s Redes Sociais!


Sobre:
O Blog Caderno de Educação visa compartilhar conteúdo e proporcionar a troca de material e experiências com os usuários. Todas as matérias publicadas são informativas ou sugestivas e não devem ser utilizadas em substituição a informação especializada de um profissional habilitado.

Postagens Sugeridas, Relacionadas e Anúncios

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.

 
Sobre | Termos de Uso | Política de Cookies | Política de Privacidade

João 3 16 Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho Unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.

voltar