Simulado prova concurso publico professor educação infantil com gabarito e respostas. Conhecimentos específicos de pedagogia para professor series iniciais simulado de conhecimentos pedagógicos


Simulado professor educação infantil conhecimentos pedagógicos
by Pixabay


Simulado professor educação infantil conhecimentos pedagógicos


01(Fran.Dumont/MG 2016) As ideias abaixo apresentam concepções de Paulo Freire, expressas em seu livro Pedagogia da autonomia, em relação ao processo ensino-aprendizagem, EXCETO
XA) Divinizar ou diabolizar a tecnologia ou a ciência é uma forma positiva e menos perigosa de pensar o processo ensino-aprendizagem.
B) Nas condições de verdadeira aprendizagem, os educandos vão se transformando em reais sujeitos da construção e da reconstrução do saber ensinado, ao lado do educador, igualmente sujeito do processo.
C) As condições para se aprender criticamente implicam ou exigem a presença de educadores e de educandos criadores, instigadores, inquietos, rigorosamente curiosos, humildes e persistentes.
D) Ensinar exige compreender que a educação é uma forma de intervenção no mundo.


02(Fran.Dumont/MG 2016) Observadas as orientações didáticas, “sequências didáticas” podem ser conceituadas como:
A) Critérios para analisar nossa prática e, se for conveniente, para reorientá-la.
B) Conjunto de métodos a serem utilizados conforme a necessidade imposta pelos conteúdos.
XC) Conjunto de atividades ordenadas, estruturadas e articuladas para a realização de certos objetivos educacionais, que têm um princípio e um fim conhecidos tanto pelos professores como pelos alunos.
D) Método direcionador das ações pedagógicas.


03(Fran.Dumont/MG 2016) “Se o objetivo é que o aluno aprenda a produzir e a interpretar textos, não é possível tomar como unidade básica de ensino nem a letra, nem a sílaba, nem a palavra, nem a frase que, descontextualizadas, pouco têm a ver com a competência discursiva, que é questão central. Dentro desse marco, a unidade básica de ensino só pode ser o texto, mas isso não significa que não se enfoquem palavras ou frases nas situações didáticas específicas que o exijam.”
Considerada essa afirmativa, é INCORRETO afirmar:
A) Não se formam bons leitores oferecendo materiais de leitura empobrecidos, justamente no momento em que as crianças são iniciadas no mundo da escrita.
B) Para desenvolvimento da competência discursiva, o ensino da produção de textos deve iniciar-se durante o processo de alfabetização, não importando o método adotado.
C) A ênfase que se está dando ao conhecimento sobre as características discursivas da linguagem não significa que a aquisição da escrita alfabética deixa de ser importante.
XD) O autor está denunciando os erros contidos nos livros didáticos que adotam como método de alfabetização o processo fônico.

04(Fran.Dumont/MG 2016) Ana Teberosky, no livro Compreensão da leitura: a língua como procedimento, apresenta um texto de Isabel Solé o qual afirma que “a leitura na escola precisa ser urgentemente repensada, pelo menos, em uma
tripla dimensão”: São elas:
I - Como instrumento para a aprendizagem – é necessário ensinar a ler para aprender.
II - Como objeto de conhecimento – aprender a ler significa aprender a compreender o que se lê.
III - Como poder representativo – quando se aprende a ler, pode-se desenvolver o poder de autorrepresentação.
IV - Provocar a capacidade de desfrutar mediante a leitura.
Conforme o texto, estão CORRETAS as alternativas contidas nos incisos:
A) I, III e IV, apenas.
B) I, II, III e IV.
XC) I, II e IV, apenas.
D) II e IV, apenas.


05(Fran.Dumont/MG 2016) O texto Saberes e Práticas de Inclusão, publicado pelo Ministério da Educação, orienta que: “Necessidades educacionais podem ser identificadas em diversas situações representativas de dificuldades de aprendizagem, como decorrência de condições individuais, econômicas ou socioculturais dos alunos.”
O texto acima citado elenca os grupos que devem ser beneficiados com as políticas públicas de inclusão escolar, entre os quais NÃO se encontra:
A) Crianças com condições físicas, intelectuais, sociais, emocionais e sensoriais diferenciadas.
XB) Crianças de populações rurais, ainda que não apresentem qualquer dificuldade pedagógica ou social.
C) Crianças com deficiência ou bem dotadas.

D) Crianças trabalhadoras ou que vivem nas ruas ou de minorias linguísticas, étnicas ou culturais.




06. (Lupionópolis/PR 2017)A aprendizagem que as crianças adquirem na escola, pelo estudo das matérias, tem como resultado principal:
XA) A aquisição do saber escolar e o melhoramento progressivo das funções intelectuais.
B) A melhoria da assistência social e das funções subjetivas.
C) A melhoria da merenda escolar.
D) A preparação para o trabalho manual.

07. (Lupionópolis/PR 2017)Na escola, lugar essencialmente destinado à apropriação e elaboração pela criança de determinadas habilidades, a brincadeira deve ser:
A) negada e secundarizada pelo educador.
B) considerada como uma ação desnecessária no planejamento.
C) sempre evitada enquanto uma atividade cognitiva.
XD) considerada e prevista pelo educador, em seu plano de ação e junto às crianças.

08. (Lupionópolis/PR 2017)Um professor atua em uma turma de crianças com 4/6 anos. Todos os dias ele proporciona aos seus alunos um período de brincadeiras livres. Enquanto as crianças brincam, ele fica sentado, observando e descansando. Com base nesse fato analise as afirmativas abaixo e assinale a alternativa correta.
I - Quando as crianças brincam livremente, o professor não deve interferir; assim, é uma boa oportunidade para ele descansar.
II - Ele deveria se envolver com as crianças nas brincadeiras, partilhando a construção das regras e desta forma fortalecendo o vínculo entre elas.
A) Somente I está correta.
XB) Somente II está correta.
C) I e II estão corretas.
D) I e II estão incorretas.

09. (Lupionópolis/PR 2017)Por meio das explorações que faz, do contato físico com outras pessoas, da observação daqueles com quem convive, a criança desde os primeiros anos de vida:
A) enriquece a capacidade de discriminar o outro e assim fortalece seu individualismo.
B) requer o assistencialismo, característica básica do ensino pré-escolar.
XC) aprende sobre o mundo, sobre si mesma e comunica-se pela linguagem corporal.

D) aprende a identificar o que é estável em seu corpo e a discriminar quem é diferente em sua idade.


Postado por: Equipe do Caderno Educação .


.
Compartilhe em suas Redes Sociais!

Publicidade

Sobre:
O Blog Caderno de Educação visa compartilhar conteúdo educacional e proporcionar a troca de material didático e experiência entre profissionais da área de educação e, também, disponibilizar material educativo para estudantes, candidatos a concursos públicos, vestibular e ENEM das mais diversas áreas do conhecimento como literatura, história, gramática, geografia, biologia, matemática, física, informática, pedagogia e outras, além de notícias.

Postagens relacionadas, sugeridas e anúncios

0 comentários:

Postar um comentário

 
Top