12 Questões sobre Parâmetros Curriculares Nacionais - PCNS

Questões sobre Parâmetros Curriculares Nacionais - PCNS - Questões sobre temas transversais com gabarito, simulado diretrizes curriculares nacionais para o ensino fundamental. Perguntas e respostas sobre o tema.

Questões sobre Parâmetros Curriculares Nacionais - PCNS 


QUESTÃO 01(Fran.Dumont/MG 2016)
O Caderno de Introdução aos Parâmetros Curriculares Nacionais trata, entre outros, do tema Conteúdos e assim se expressa: A definição dos conteúdos a serem tratados deve considerar o desenvolvimento de capacidades adequadas às características sociais, culturais e econômicas particulares de cada localidade. Assim, a definição de conteúdos nos Parâmetros Curriculares Nacionais é uma referência suficientemente aberta para técnicos e professores analisarem, refletirem e tomarem decisões, resultando em ampliações ou reduções de certos aspectos, em função das necessidades de aprendizagem de seus alunos.
Nessa perspectiva, é CORRETO afirmar:
A) A escolha dos conteúdos e a sua organização devem levar em consideração, tanto em sua seleção, quanto em sua extensão e, ainda, em sua profundidade, as particularidades do grupo de alunos a serem atendidos, de forma a propiciar um avanço contínuo na ampliação de conhecimentos.
B) A igualdade de direitos dos alunos requer que, no processo de aprendizagem, os conteúdos sejam tratados da mesma maneira, ainda que em diferentes localidades.
C) A complexidade dos próprios conteúdos e as necessidades de aprendizagens compõem um todo dinâmico de difícil desarticulação para trabalho diferenciado em diferentes realidades.
D) A consciência da importância dos conteúdos para o desenvolvimento de capacidades e a sua vinculação à função social da escola devem conduzir a ação de professores e pedagogos para que sigam, rigorosamente, as indicações curriculares contidas nas normas gerais do Estado e da Nação.

QUESTÃO 02(Fran.Dumont/MG 2016)
Nos termos dos Referenciais Curriculares Nacionais para a Educação Infantil, Vol. 3, é CORRETO afirmar:
A) Na reflexão acerca das possibilidades posturais e motoras oferecidas no conjunto das atividades, é desnecessário planejar situações de trabalho voltadas para aspectos mais específicos do desenvolvimento corporal e motor, considerando que as crianças pequenas estão sempre mudando de postura.
B) O professor de crianças pequenas não precisa avaliar constantemente o tempo de contenção motora ou de manutenção de uma mesma postura. A própria criança já o faz instintivamente.
C) As diferentes atividades que ocorrem nas instituições requerem das crianças posturas corporais distintas. Cabe ao professor organizar o ambiente de forma a garantir a postura mais adequada para cada
atividade, não as restringindo a modelos estereotipados.
D) Durante o processo de definição da lateralidade, o professor deve intervir, constantemente, corrigindo quando alguma criança manifestar a preferência pelo uso da mão esquerda, definindo-se como canhota.

QUESTÃO 03(Fran.Dumont/MG 2016)
Os Parâmetros Curriculares Nacionais para a Língua Portuguesa 1.º e 2.º ciclos do Ensino Fundamental, discutindo sobre tratamento didático em determinado momento, assim se expressam: No 2.º ciclo, “esperase que o aluno já tenha aprendido a escrever alfabeticamente e já realize atividades de leitura e de escrita com maior independência. [...]. Espera-se que os alunos consigam utilizar autonomamente estratégias de leitura, decifrar, antecipar, inferir, verificar e coordenar, mesmo que com ajuda, os diferentes papéis que precisam assumir ao produzir um texto: planejar, redigir rascunhos, revisar e cuidar da apresentação.”
Nesse sentido, conforme o documento citado, é INCORRETO afirmar:
A) As propostas de análise e reflexão sobre a língua já podem buscar, a partir desse ciclo, uma maior explicitação de regras de ortografia, acentuação e sistematização de conteúdos de natureza gramatical.
B) Os conteúdos desse ciclo devem continuar sendo selecionados em função das necessidades apresentadas pelos alunos no processo de produção e compreensão de textos.
C) De maneira geral, o segundo ciclo deve caracterizar-se por possibilitar ao aluno, de um lado, maior autonomia na realização de atividades que envolvam conteúdos desenvolvidos no ciclo anterior, e, de outro, introduzir o trabalho com novos e diferentes aspectos relacionados aos usos e formas da língua.
D) Nesse ciclo, o grau de autonomia na realização das atividades já deve ser completo, de forma a dispensar a colaboração de outros ou o monitoramento do professor.

QUESTÃO 04 (Fran.Dumont/MG 2016)
Os Parâmetros Curriculares Nacionais para Matemática no Ensino Fundamental, falando da resolução de problemas, em determinado momento, assim se expressam: Ao colocar o foco na resolução de problemas, o que se defende é uma proposta que poderia ser resumida nos seguintes princípios:
Entre os princípios expressos no citado documento, NÃO se encontra:
A) O problema, certamente, não é um exercício em que o aluno aplica, de forma quase mecânica, uma fórmula ou um processo operatório. Só há problema se o aluno for levado a interpretar o enunciado da questão que lhe é posta e a estruturar a situação que lhe é apresentada.
B) A resolução de problemas não é uma atividade para ser desenvolvida em paralelo ou como aplicação da aprendizagem, mas uma orientação para a aprendizagem, pois proporciona o contexto em que se apreendem conceitos, procedimentos e atitudes matemáticas.
C) O ponto de partida da atividade matemática é a definição, não o problema, pois conceitos, ideias e métodos matemáticos devem ser abordados da forma mais segura para resolvê-las, ou seja, pela estratégia da memorização.
D) O aluno não constrói um conceito em resposta a um problema, mas constrói um campo de conceitos que tomam sentido num campo de problemas. Um conceito matemático se constrói articulado com outros
conceitos, por meio de uma série de retificações e generalizações.


Questão 05 (Cuiabá 2015)

Os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCNs) propõem como um dos objetivos gerais para o ensino fundamental que os alunos sejam capazes de:
“saber utilizar diferentes fontes de informação e recursos tecnológicos para adquirir conhecimentos”
Assinale a opção que apresenta a atividade que foi planejada para atender a esse objetivo.
(A) Analisar, esteticamente, o poema selecionado.
(B) Revisar a sua própria produção textual.
(C) Resolver os problemas indicados, apresentando duas opções de resolução.
(D) Discutir, em grupo, os resultados das entrevistas realizadas sobre o tema de pesquisa.
(E) Expressar plasticamente os sentimentos experimentados ao
assistirem à peça.

Questões sobre Parâmetros Curriculares Nacionais - PCNS
by Pixabay

Gabarito


1 A  2 C  3 D  4 C 5D

6. (FEPESE/2010) Os Parâmetros Curriculares Nacionais indicam que os conteúdos trabalhados em Meio Ambiente devem contribuir para que os estudantes, ao final do

ensino fundamental, sejam capazes de:
1. Identificar-se como parte integrante da natureza e sentir-se afetivamente ligados a ela, percebendo os processos pessoais como elementos fundamentais para uma atuação criativa, responsável e respeitosa em relação
ao meio ambiente.
2. Perceber, apreciar e valorizar a diversidade natural e sociocultural, adotando posturas de respeito aos diferentes aspectos e formas do patrimônio natural, étnico e cultural.
3. Adotar posturas na escola, em casa e em sua comunidade que os levem a interações construtivas, justas e ambientalmente sustentáveis.
4. Compreender que os problemas ambientais interferem na qualidade de vida das pessoas, tanto local quanto globalmente.
5. Conhecer e compreender, de modo integrado, as noções básicas relacionadas ao meio ambiente.
Assinale a alternativa que indica todas as afirmativas corretas:
a. ( ) São corretas apenas as afirmativas 1, 2 e 5.
b. ( ) São corretas apenas as afirmativas 3, 4 e 5.
c. ( ) São corretas apenas as afirmativas 1, 2, 3 e 4.
d. ( ) São corretas apenas as afirmativas 2, 3, 4 e 5.

e. ( X ) São corretas as afirmativas 1, 2, 3, 4 e 5.



7. (SME/Florianópolis) Consta nos Parâmetros Curriculares Nacionais que os conceitos geométricos constituem parte importante do currículo de matemática no ensino fundamental, porque, por meio deles, o estudante desenvolve um pensamento que lhe permite:
a. ( ) compreender, descrever e exprimir, de forma aleatória, o mundo em que vive.
b. ( ) compreender, descrever e representar, de forma desarticulada, o mundo em que vive.
c. ( ) compreender, memorizar e representar, de forma fragmentada, o mundo em que vive.
d. ( X ) compreender, descrever e representar, de forma organizada, o mundo em que vive.
e. ( ) memorizar, relatar e exprimir, de forma mecânica, o mundo em que vive.

8. (SME/Florianópolis) De acordo com os Parâmetros Curriculares Nacionais de Matemática, ao longo do ensino fundamental, os conhecimentos numéricos são construídos e assimilados pelos estudantes num processo: 

a. ( ) natural. 
b. ( X ) dialético. 
c. ( ) mecânico. 
d. ( ) repetitivo. 
e. ( ) fragmentado


9. (FEPESE/2007) Segundo os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCNs), o professor deve realizar a avaliação por meio de:
a. ( ) multiplicidade de processos, garantindo-se, bimensalmente, ao menos três modalidades diferentes.
b. ( ) avaliação inicial e do final do processo, garantindo, assim, controlar todo processo; e autoavaliação.
c. ( ) testes padronizados que permitam análise longitudinal do desempenho escolar de cada um dos estudantes.
d. ( ) provas: para avaliar pontualmente os conteúdos trabalhados; trabalhos escritos individuais ou em grupos: para avaliar a capacidade dos
estudantes produzirem textos.
e. ( X ) observação sistemática: através do acompanhamento do processo de aprendizagem dos estudantes; análise de produções: considerando a variedade de produções realizadas pelos estudantes e atividades específicas para a avaliação: nestas, os estudantes devem ter objetividade ao expor sobre um tema.

10. (Chapecó2018) Consta nos Parâmetros Curriculares Nacionais que a educação básica tem a função de garantir condições para que o estudante construa instrumentos que o

capacitem para um processo de educação permanente. Para tanto, é necessário que, no processo de ensino e aprendizagem, sejam exploradas(os):
1. a aprendizagem de metodologias capazes de priorizar a construção de estratégias de verificação e comprovação de hipóteses na construção do conhecimento.
2. o desenvolvimento do espírito crítico capaz de favorecer a criatividade, a compreensão dos limites e alcances lógicos das explicações propostas.
3. a autonomia do sujeito, desenvolvendo o sentimento de segurança em relação às suas próprias capacidades, interagindo de modo orgânico e integrado num trabalho de equipe e, portanto, sendo capaz de atuar em níveis de interlocução mais complexos e diferenciados.
4. as habilidades manuais capazes de formar estudantes capacitados para competir no mercado de trabalho.
Assinale a alternativa que indica todas as afirmativas corretas.
a. ( ) São corretas apenas as afirmativas 2 e 4.
b. (x) São corretas apenas as afirmativas 1, 2 e 3.
c. ( ) São corretas apenas as afirmativas 1, 3 e 4.
d. ( ) São corretas apenas as afirmativas 2, 3 e 4.

e. ( ) São corretas as afirmativas 1, 2, 3 e 4.

11. (Chapecó2018)  Identifique abaixo as afirmativas verdadeiras ( V ) e as falsas ( F ) com relação aos Parâmetros Curriculares Nacionais.

( ) Os PCNs constituem o primeiro nível de concretização curricular.
( ) São uma referência nacional para o ensino fundamental.
( ) Estabelecem uma meta educacional para a qual devem convergir as ações políticas do Ministério da Educação e do Desporto, tais como os projetos ligados à sua competência na formação inicial e continuada de professores, à análise e compra de livros e outros materiais didáticos e à avaliação nacional.
( ) São referências que precisam ser avaliadas a cada cinco anos.
( ) Têm como função subsidiar a elaboração ou a revisão curricular dos Estados e Municípios, dialogando com as propostas e experiências já existentes, incentivando a discussão pedagógica interna das escolas e a elaboração de projetos educativos, assim como servir de material de reflexão para a prática de professores.
Assinale a alternativa que indica a sequência correta, de cima para baixo.
a. ( ) V • V • V • V • V
b. (x ) V • V • V • F • V
c. ( ) V • F • V • V • F
d. ( ) F • V • F • V • F
e. ( ) F • F • V • V • F

12. (Chapecó2018)  Os Parâmetros Curriculares Nacionais, tanto nos objetivos educacionais que propõem quanto na conceitualização do significado das áreas de ensino e dos

temas da vida social contemporânea que devem permeá-las, adotam como eixo:
a. ( ) a formação linear do estudante.
b. ( ) as habilidades motoras do estudante.
c. ( ) o desenvolvimento afetivo do estudante.
d. ( x ) o desenvolvimento de capacidades do estudante.

e. ( ) o desenvolvimento emocional do estudante


Leia também:


Temas relacionados
  • parâmetros curriculares nacionais do ensino fundamental 
  • plano curricular do ensino fundamental 
  • projeto educação especial na educação infantil 
  • proposta curricular ensino fundamental 
  • objetivos gerais para o ensino fundamental 
  • textos temas transversais ensino fundamental 




Por blog caderno de educação


Compartilhe Compartilhe Compartilhe Compartilhe .
Compartilhe em suas Redes Sociais!


Sobre:
O Blog Caderno de Educação visa compartilhar conteúdo educacional e proporcionar a troca de material didático e experiência entre profissionais da área de educação e, também, disponibilizar material educativo para estudantes, candidatos a concursos públicos, vestibular e ENEM das mais diversas áreas do conhecimento como literatura, história, gramática, geografia, biologia, matemática, física, informática, pedagogia e outras, além de notícias.

Postagens relacionadas, sugeridas e anúncios

0 comentários:

Postar um comentário

.

 

João 3 16 Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho Unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.