Publicidade

15 Questões de Teoria Musical

Série de questões de teoria musical para concursos de instrumentistas para banda música. 


Questões de Teoria Musical


26) (SEPLAG/IBFC/2013) Uma figura na primeira linha do pentagrama, em clave de sol, registra a nota Mi. Quando assinalada na mesma posição, mas em clave de fá (4ª linha) registra outra
nota, determinando entre elas um certo intervalo. São eles (a nota e o intervalo), respectivamente:
a) MI / 8ª abaixo.
b) Sol / 8ª abaixo.
c) Mi / 6ª abaixo.
d) Sol / 13ª abaixo.

27) (SEPLAG/IBFC/2013)O duplo ponto de aumento resulta:
a) Numa figura com duração aumentada em 3/4 de seu valor original.
b) Numa figura com duração aumentada em 2/3 de seu valor original.
c) Numa figura com duração aumentada em 4/5 de seu valor original.
d) Numa figura com duração inalterada, trata-se apenas de sinal de expressão.

28) (SEPLAG/IBFC/2013) Um intervalo constituído por 3 tons e 1/2 é uma:
a) Quarta aumentada.
b) Quinta diminuta.
c) Quinta Justa.
d) Sexta Menor.

29) (SEPLAG/IBFC/2013) Um intervalo de sexta aumentada tem:
a) Três tons e 1/2.
b) Quatro tons.
c) Quatro tons e 1/2.
d) Cinco tons.

30) (SEPLAG/IBFC/2013) Um intervalo de 6ª Maior (simples), quando invertido,
gera um intervalo de:
a) 2ª Maior.
b) 3ª Menor.
c) 4ª Justa.
d) 5ª Diminuta.

31) (SEPLAG/IBFC/2013) Intervalos simples e compostos são aqueles que, respectivamente:
a) São formados por duas / mais de duas notas.
b) Se encontram na mesma tonalidade / são de tonalidades diferentes.
c) Se encontram no âmbito de uma oitava / extrapolam a amplitude de uma oitava.
d) São formados por notas não alteradas / ao menos uma das notas se encontra alterada.

32) (SEPLAG/IBFC/2013) A nota Dobb (Do dobrado bemol) corresponde, enarmonicamente, à nota:
a) Sibb.
b) La##.
c) Si.
d) La#.

33) (SEPLAG/IBFC/2013) Os acidentes fixos (ou de clave) determinam em que tonalidade o trecho, ou a peça, se estruturam melódica e harmonicamente, resultando em (e a partir de) uma escala; para uma escala de Fa# Maior quantos acidentes constam na clave? E em sua escala enarmônica?:
a) Um sustenido / três bemóis.
b) Três sustenidos / seis bemóis.
c) Seis sustenidos / seis bemóis.
d) Sete sustenidos / cinco bemóis.

34) (SEPLAG/IBFC/2013) Uma determinada armadura de clave poderá indicar:
a) Duas tonalidades (relativas, uma maior e outra menor).
b) Uma única tonalidade, menor.
c) Duas tonalidades (relativas, ambas menores).
d) Uma única tonalidade, maior.

Texto para as questões 35 e 36:

A estrutura intervalar de uma escala pode ser dada de duas formas: 1) a partir dos intervalos formados entre o 1º grau (tônica) e os demais graus da escala; 2) e a partir da disposição dos intervalos de tom e semitom entre os graus que a constituem.

35) (SEPLAG/IBFC/2013)Em uma escala maior essas duas formas são, respectivamente:
a) 2ªMaior, 3ªMaior, 4ªJusta, 5ªJusta, 6ªMaior, 7ªMenor,
8ªJusta; e Tom/Tom/Semitom/Tom/Tom/Tom/Semitom.
b) 2ªMaior, 3ªMaior, 4ªJusta, 5ªJusta, 6ªMaior, 7ªMaior,
8ªJusta; e Tom/Tom/Semitom/Tom/Tom/Tom/Semitom.
c) 2ªMaior, 3ªMaior, 4ªJusta, 5ªJusta, 6ªMaior, 7ªMaior,
8ªJusta; e Tom/Semitom/Tom/Tom/Tom/Tom/Semitom.
d) 2ªMaior, 3ªMenor, 4ªJusta, 5ªJusta, 6ªMaior, 7ªMenor,
8ªJusta; e Tom/Tom/Semitom/Tom/Tom/Tom/Semitom.

36) (SEPLAG/IBFC/2013) Em uma escala menor chamada de “natural” (que utilize exatamente a mesma armadura de clave de sua relativa maior) essas duas formas são, respectivamente:
a) 2ªMaior, 3ªMenor, 4ªJusta, 5ªJusta, 6ªMaior, 7ªMenor,
8ªJusta; e Tom/Tom/Semitom/Tom/Tom/Tom/Semitom.
b) 2ªMaior, 3ªMaior, 4ªJusta, 5ªJusta, 6ªMaior, 7ªMenor,
8ªJusta; e Tom/Semitom/Tom/Tom/Semitom/Tom/Tom.
c) 2ªMaior, 3ªMenor, 4ªJusta, 5ªJusta, 6ªMenor, 7ªMaior,
8ªJusta; e Tom/Semitom/Tom/Tom/Tom/Semitom/Tom.
d) 2ªMaior, 3ªMenor, 4ªJusta, 5ªJusta, 6ªMenor, 7ªMenor,
8ªJusta; e Tom/Semitom/Tom/Tom/Semitom/Tom/Tom.

37) (SEPLAG/IBFC/2013) Uma armadura de clave com 05 bemóis contempla as seguintes tonalidades:
a) Sol bemol Maior e Mi bemol menor.
b) Re Maior e Si menor.
c) Re bemol Maior e Si bemol menor.
d) Sol Maior e Mi bemol Menor.

38) (SEPLAG/IBFC/2013) Compassos binário simples, binário composto e ternário composto - podem ser representados pelas seguintes fórmulas:
a) 2/4, 2/8 e 9/8.
b) 2/2, 6/8 e 9/8.
c) 2/4, 2/8 e 6/8.
d) 2/2, 6/4 e 3/8.

39) (SEPLAG/IBFC/2013) Em uma tríade Maior, temos dois intervalos de terças sobrepostas. São elas, de baixo para cima:
a) Menor / menor.
b) Maior / maior.
c) Maior / menor.
d) Menor / maior.

40) (SEPLAG/IBFC/2013) Já em uma tríade diminuta temos:
a) Duas terças menores, resultando em uma quinta diminuta.
b) Terça menor / terça maior, resultando em uma quinta justa.
c) Duas terças menores, resultando em uma quinta aumentada.
d) Duas terças maiores, resultando em uma quinta diminuta.
questões de teoria musical

Gabarito das questões de teoria musical

26 D
27 A
28 C
29 D
30 B
31 C
32 D
33 C
34 A
35 B
36 D
37 C
38 B
39 C
40 A


Por Blog Caderno de Educação


Compartilhe Compartilhe Compartilhe
Compartilhe em suas Redes Sociais!


Sobre:
O Blog Caderno de Educação visa compartilhar conteúdo e proporcionar a troca de material e experiências com os usuários. Todas as matérias publicadas são informativas ou sugestivas e não devem ser utilizadas em substituição a informação especializada de um profissional habilitado.


0 comentários:

Postar um comentário

.
Tecnologia do Blogger.

 

João 3 16 Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho Unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.

voltar