7 Dicas de Educação Financeira Pessoal

Como controlar meus gastos pessoais? Como estabelecer um programa para controle de despesas pessoais? De que forma posso ter na minha vida controle financeiro pessoal? São questões que estão presentes no dia a dia de milhares de brasileiros.

7 Dicas de Educação Financeira Pessoal

7 Dicas de educação financeira pessoal



1. Princípios básicos da Educação Financeira


  • Avalie sua situação financeira atual
  • Defina metas financeiras claras
  • Diferencie necessidades e desejos 
  • Avaliando sua 'personalidade' financeira ou 'estilo' 



2. Gerenciando o fluxo de caixa 


  • Tenha uma reserva de emergência
  • Faça um plano financeiro (Quanto você precisa? Quando?)
  • Calcule seu orçamento (Quanto entra/Quanto sai por mês)
  • Estabeleça metas de curto e médio prazo
  • Gaste sabiamente - esticando seu dinheiro 



3. Educação financeira em Investimentos 

  • Habitação, terra, propriedade e outros ativos físicos 
  • Investindo em um negócio própio
  • Tenha investimentos para economia (poupança, tesouro direto, fundos, etc)
  • Assista palestras e cursos sobre finanças 
  • Evite Empréstimos 
  • Fuja dos juros de cartões e cheque especial; 
  • Ações e Fundos imobiliários 



4. Educação Financeira e os eventos da vida 

  • Planeje-se para o Casamento 
  • Organize-se para Formação de agregados familiares 
  • Prepare-se para o Nascimento de filhos 
  • Economize para Educação fundamental, média e superior dos filhos
  • Reserve para Aposentadoria / velhice Morte 


5. Educação financeira  para desafios especiais 

Crie uma reserva para:

  • Doença dos membros da família 
  • Divórcio ou desagregação familiar 
  • Perda de emprego 
  • Desastres naturais / calamidades 



6. Tomada de decisão financeira com a gestão financeira pessoal


  • Decisões conjuntas (em família)
  • Decisões independentes 
  • Planeje com antecedência para o futuro 
  • Faça Investimentos 
  • Procure de emprego com remuneração melhor
  • Começando e gerenciando seu próprio negócio 
  • Planejamento de carreira

7. Sugestões para uma boa educação financeira


  • Elabore um sistema de gestão financeira pessoal 
  • Tenha um caderno de controle financeiro pessoal 
  • Use software de gestão financeira gratuito 
  • Utilize uma planilha financeira pessoal simples (excel)
  • Estabeleça um programa de controle de gastos pessoais 
  • Pratique o controle de contas domesticas 



No mundo complexo de hoje, as pessoas precisam de uma ampla gama de habilidades e conhecimentos para fazer escolhas estando bem informadas. Alfabetização financeira ajudará sempre. Considere cuidadosamente suas escolhas financeiras. Isso pode se aplica a decisões cotidianas, como comprar mantimentos, investimentos maiores, como pagar por aulas ou comprar um carro. Entender a gestão básica do dinheiro e desenvolver suas próprias perspectivas sobre questões financeiras, tais como taxas de juros, regras ou a economia tornará você um cidadão ativo, conhecedor e responsável, capaz de participar plenamente na sociedade e decidir com confiança onde e como investir seu dinheiro. Permaneça financeiramente estável e saudável durante toda a vida compreendendo o impacto das escolhas econômicas no mundo em que vive.



 Referências

https://www.microfinancegateway.org/sites/default/files/mfg-en-paper-financial-education-for-the-poor-2003.pdf




Por blog caderno de educação


Compartilhe Compartilhe Compartilhe Compartilhe Compartilhe .
Compartilhe em suas Redes Sociais!


Sobre:
O Blog Caderno de Educação visa compartilhar conteúdo educacional e proporcionar a troca de material didático e experiência entre profissionais da área de educação e, também, disponibilizar material educativo para estudantes, candidatos a concursos públicos, vestibular e ENEM das mais diversas áreas do conhecimento como literatura, história, gramática, geografia, biologia, matemática, física, informática, pedagogia e outras, além de notícias.

Postagens relacionadas, sugeridas e anúncios

0 comentários:

Postar um comentário

.

Publicidade

 

João 3 16 Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho Unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.